sexta-feira, julho 15, 2005

Sincretismo

Segundo relatos de funcionários públicos que lá trabalham, o sincretismo religioso aportou de vez na Escola de Governo, cuja diretora geral é Heliana Jatene, a ex-mulher do governador Simão Jatene e mãe do seu casal de filhos.
De acordo com essas fontes, pelo menos uma vez por semana, antes do início do expediente, as salas que abrigam a diretora geral e seus auxiliares de confiança são defumadas com incenso de macumba. "Não é aquele incenso perfumado, não; é daquele fedorento", acentua um servidor.