domingo, setembro 04, 2005

Banditismo sem limites

Da edição deste domingo, 4, do jornal "O Dia" (odia.ig.com.br), sob o título "Crianças são usadas para proteger bandidos na Rocinha", matéria à qual remete a manchete do jornal, "Bem-Te-Vi se protege com escudo humano de crianças":

“Noite de 9 de abril do ano passado: data em que bandidos rivais da mesma facção criminosa escolheram para tirar do poder na Rocinha o traficante Luciano Barbosa da Silva, o Lulu. Do outro lado da favela, no Morro do Vidigal, grupo de líderes do Comando Vermelho (CV) deixava o local em direção à Rocinha, em São Conrado. A invasão não tem o resultado esperado, e é hora de fugir. Mas como deixar a comunidade sem ser parado pela polícia?
“A estratégia adotada pelo bandido Adilson Camargo, o Soldado – que acabou sendo preso em 19 de abril do ano passado – foi usar os filhos como escudos e, com eles nos braços, tentar passar pelos policiais como pai dedicado, com medo da guerra que havia começado.”