quarta-feira, dezembro 07, 2005

Imobilismo injustificável

Soa inusitado o imobilismo da atual diretoria do Sindicato dos Jornalistas do Pará em tentar abrir negociações para corrigir a aberração patrocinada, já no desfecho do seu mandato como presidente da Assembléia Legislativa do Estado, pelo hoje deputado federal Zenaldo Coutinho (PSDB), ao modificar o organograma do Legislativo estadual, submetendo hierarquicamente ao Cerimonial o Serviço de Imprensa e Divulgação (SID).
O ato de Zenaldo Coutinho evidencia seu menosprezo ao trabalho dos jornalistas. Mas é no mínimo surreal que o sindicato da categoria cooneste, com seu silêncio, esse desdém. Afinal, integrantes da atual diretoria da entidade estão no comando do SID e, presumivelmente, em condições de negociar amigavelmente com o atual presidente da AL, deputado Mário Couto (PSDB), e demais integrantes da mesa diretora.